MELHORES MOMENTOS DE 2016: Novembro

Na retrospectiva do PHCBR, do mês de novembro, vamos relembrar o convite especial de Henry Cavill para os fãs – na campanha da Omaze – e os rumores sobre o script de O Homem de Aço 2, e a sequência de Imortais.

O ano está quase acabando mas Henry cavill não para de nos surpreender. Em novembro vários rumores e declarações saíram a respeito de fatos ligados a sua carreira.

Primeiro a sua colega de cena Amy Adams, (Lois Lane), declarou em uma entrevista que o script de O Homem de Aço 2, está em andamento apesar da atriz não ter muitos detalhes: “Mas sim, eu sei que eles estão trabalhando em um roteiro, eu sei que está sendo trabalhado”, revelou a atriz.

O site The Wrap divulgou outra notícia que deixou os fãs de Henry com gostinho de quero mais: o Relativity Studios, que produziu Immortals – com Cavill em 2011 – acaba de fechar uma parceria estratégica que garante 200 milhões de dólares por ano de financiamento. A nova parceria resultará em, pelo menos, cinco novas produções por ano.
As prioridades para o estúdio no próximo ano são: O lançamento da animação “Animal Crackers” e sequências de sucessos da Relativy como “Imortais” com Henry Cavill, “November Man: Um Espião Nunca Morre” com Pierce Brosnan e “Ato de Coragem” (Act of Valor). Não sabemos se o projeto está em andamento e nem se Henry participará da sequência, mas quem não gostaria de vê-lo como o corajoso guerreiro Teseu novamente?

Este mês marca também uma data especial no Reino Unido, o Dia da Lembrança. Na 11° hora do 11° dia do 11° mês em 1918, um acordo de armistício (suspensão de guerra) foi assinado entre os Aliados, (a Entente composta por França, o Império Britânico e Itália, entre outros países), e os Alemães. O acordo acabou com a luta real da Primeira Guerra Mundial – que seria oficialmente encerrada mais de seis meses depois com o Tratado de Versalhes.

Instituída pelo Rei George V, em 1919, a data vem sendo desde então o Dia da Lembrança daqueles que morreram em combate. A cada ano, os membros da Família Real participam de eventos da lembrança em todo o mundo.

O símbolo desse dia é a papoula, Poppy, devido a um poema escrito em 1915, pelo médico canadense John McCrae: In Flanders Fields (Nos Campos de Flanders). Em Londres, é comum ver a população usando um broche vermelho no formato de papoula, durante todo o mês de novembro. Henry já apareceu com um deles em mais de uma ocasião. Esse acessório é vendido nas ruas por representantes da Royal British Legion, fundada por veteranos da Primeira Guerra – também arrecada valores para dar suporte a militares e suas famílias.

Em suas redes sociais Henry demonstrou mais uma vez seu respeito pelos militares e seu apoio- como embaixador e cidadão – pela causa dos Royal Marines.

E falando sobre o Royal Marine Charity e a carreira de Henry, não podemos deixar de citar a informação de que o major Nik Cavill, irmão de Henry, assumiu uma grande responsabilidade na corporação. Nik já participou de sete missões, algumas no Afeganistão e é considerado por todos um líder competente e dedicado. Agora ele lidera uma unidade de elite dos fuzileiros, o 30 Grupo Commando de Informação e Exploração Royal Marine.

O grupo foi criado em 1942 por 30 homens com o nome de 30 Assault Unit (30AU), liderado por Ian Fleming, (autor de James Bond), oficial da inteligência naval durante a Segunda Guerra Mundial, que reconheceu a necessidade de ficar atrás das linhas inimigas para trabalhar nos serviços de inteligência e apreender documentos de um quartel-general previamente determinado.

Curiosamente, foi Ian Fleming que sugeriu o nome do agente Napoelon Solo do seriado O Agente da U.N.C.L.E. – entre outras ideias para a série – a pedido do produtor Norman Felton, em 1964. Mas depois deixou o projeto por determinação da EON Productions, para que não houvesse crise de interesses com o filme de James Bond.
Em 2015, Henry Cavill interpretou Napoleon Solo nos cinemas, no filme dirigido por Guy Ritchie, e inspirado na série da década de 60.

Alguém aí acredita em coincidências?

B, como se não bastasse esses rumores todos que criaram a expectativa de ver Henry muito mais presente nas telonas, no próximo ano, o ator resolveu sortear um fã para viajar até Londres e fazer um brinde com ele.
Num vídeo em parceria com o site Omaze.com, Henry convida a todos para doarem valores a partir de $10, em prol do Royal Marines Charity. Cada valor se transforma em várias chances num sorteio para viajar com um acompanhante, com tudo pago, passear por Londres e encontrar com Henry no Coca-Cola London Eye, para brindar com champanhe, (ou cerveja). #Cheers!


Imagine, Você+HenryCavill+Londres a seus pés+Um Brinde+Ajudar uma causa nobre = 😀 😀 😀

Bom ainda dá tempo de participar, acesse o site da omaze e colabore com o Royal Marine Charity.

OMAZE.COM/HENRY

Para fechar o mês, tivemos o diretor brasileiro Fernando Coimbra comentando sobre seu trabalho com Henry em Sand Castle, o filme de guerra que tem Cavill no papel do capitão Syverson e será lançado pela Netflix, no próximo ano.

Coimbra elogiou a simplicidade e comprometimento do ator:

O Cavill, desde que leu o roteiro, queria muito fazer o filme e isso é um fator fundamental. Mesmo estando envolvido na franquia milionária do Superman, ele queria fazer esse filme independente, que mostraria uma faceta diferente dele. Nós mudamos o visual dele completamente. Ele está quase irreconhecível. Cavill é um cara muito simples e humilde. É muito fácil de trabalhar.

Sim, nós sabemos que ele é incrível e mal podemos esperar por seus próximos trabalhos.

Siga o PHCBR e saiba tudo sobre a carreira e as causas sociais de Henry Cavill.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *